Governador inaugura asfalto na MT-020 e promete obra completa em 2021

O governador Mauro Mendes (DEM) inaugurou, nesta quinta-feira (24), a pavimentação de 67,5 quilômetros da MT-020, entre os municípios de Paranatinga a Canarana. A estrada faz parte do pacote de obras que foi retomado e já concluído na atual gestão.

Durante a entrega, Mendes disse que foram investidos R$ 45 milhões do Governo para a retomada e conclusão da pavimentação, que vai beneficiar, principalmente, o escoamento da produção da região do Médio Araguaia.

A medida, segundo ele, vai permitir o escoamento direto da BR-158 até a BR-070, passando pela MT-020, em direção ao Terminal Ferroviário de Rondonópolis.

Além disso, a nova rota vai encurtar em quilometragem o acesso a Cuiabá e a várias outras cidades da região nordeste.

“Essa rodovia vai encurtar quase 200 quilômetros do caminho do cidadão mato-grossense que mora ali no norte do Araguaia, na região do Médio Araguaia. Uma obra extremamente importante. Estamos inaugurando esse trecho que foi feito agora, no nosso mandato”, disse.

endes lembrou, ainda, que falta somente um trecho da MT-020 a ser pavimentado, cujas obras serão iniciadas em breve, pois a licitação para o asfaltamento desse trecho com extensão de 66,4 quilômetros, remanescente da rodovia, já está na reta final.

 

“Até o final do ano que vem queremos 100% dessa rodovia asfaltada, que vai ser mais um eixo estruturante para melhorar toda a condição dessa região, melhorando todo o agronegócio e promovendo, principalmente, o desenvolvimento econômico e a geração de emprego”, afirmou.

Obras em Paranatinga

O Governo de Mato Grosso executa outras obras na região, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra).

Um exemplo é a pavimentação da MT-130, entre Paranatinga e até o Distrito de Sete Placas, totalizando 44,3 quilômetros e com investimento de R$ 38 milhões.

Além disso, a Sinfra  constrói duas pontes na MT-020, no Córrego Canastra I e II, ambas com 30 metros de extensão. Para estas obras, que estão em fase inicial, está previsto investimento de R$ 3,5 milhões.

 

Comentários estão fechados.