Deputados têm nomes cotados e estão de olho nas eleições para prefeito

Faltando duas semanas para o começo das convenções – algumas figuras já conhecidas e com mandato -, começam a se movimentar em busca de apoio para concorrer às prefeituras de cidades de Mato Grosso. Quatro deputados estaduais e dois federais são cotados como possíveis concorrentes, alguns até já lançados como pré-candidatos.

Na Assembleia Legislativa, além do presidente Eduardo Botelho (DEM), que espera definição do partido quanto à sua candidatura em Cuiabá, outros três parlamentares também estão articulando. Silvio Fávero, que atualmente está no PSL, espera decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sobre seu pedido para deixar a legenda.

A ideia do parlamentar é migrar para o DEM e, assim, concorrer à Prefeitura de Lucas do Rio Verde. De acordo com ele, a chapa de vereadores da cidade já está estruturada e só espera a definição jurídica para que ele seja o candidato da legenda.

“Eu fui vice-prefeito da cidade pelo DEM, fui ao PSL para concorrer para deputado estadual, porém, quero agora voltar ao DEM para poder buscar a prefeitura”, disse o Fávero.

Thiago Silva, que é deputado estadual pelo MDB, também vem conversando com os partidos para buscar apoio em uma possível candidatura em Rondonópolis, onde é seu colégio eleitoral. Ele seria adversário direto do atual prefeito José Carlos do Pátio (SD). “Tenho o interesse, mas ainda estamos buscando o entendimento com os partidos”.

Nos bastidores ainda se fala de outro deputado estadual interessado em entrar no pleito municipal. Xuxu Dal Molin (PSC), que já foi vice-prefeito de Sorriso, teria o interesse em buscar a liderança da cidade. O parlamentar, porém, não atendeu as ligações da reportagem para confirmar a informação.

Dos parlamentares federais, Emanuelzinho (PTB) foi lançado como pré-candidato a prefeito de Várzea Grande . Juarez Costa (MDB) também vem conversando com partidos políticos e aliados ao parlamentar afirma que ele deve buscar o retorno à prefeitura de Sinop.

 

Comentários estão fechados.