Mulher agride policiais para tentar evitar prisão do marido acusado de violência doméstica

Uma mulher agrediu policiais militares na noite do último domingo (17), em Várzea Grande, ao tentar impedi-los de prender o marido, que a havia agredido horas antes. A PM foi chamada por vizinhos, que ouviram gritos de socorro. A filha do casal, de oito anos de idade, estava presente.

De acordo com informações do 4º Batalhão da Polícia Militar (4º BPM), o caso aconteceu por volta das 22 horas no Jardim Costa Verde. Os vizinhos chamaram a PM após ouvir gritos de socorro, e depois de ver um casal discutindo, o marido agredindo a esposa e a forçando a entrar em casa.

Quando os policiais chegaram na casa, foram recebidos pela filha do casal, de oito anos de idade, que confirmou as informações. O casal, no entanto, se negou a sair da residência. Após muita insistência a mulher foi até o portão, e contou que estava ingerindo bebida alcoólica e, por isso, o casal acabou discutindo e se agredindo.

O homem, então, se apresentou. A Polícia informou a ele que caso sua esposa tivesse alguma lesão, ele seria conduzido para a delegacia. Neste momento, ele ficou alterado, proferiu palavras de baixo calão e disse que não seria detido. Então foi dada ordem de prisão a ele, que foi desobedecida.

O homem ainda tentou se desvencilhar, mas foi contido pelos policiais. Neste momento, a mulher começou a xingar os policiais e a bater neles, para que não levassem seu marido. Os dois foram conduzidos para a Centra de Flagrantes.

 

Fonte: https://www.cenariomt.com.br/2020/05/18/mulher-agride-policiais-para-tentar-evitar-prisao-do-marido-acusado-de-violencia-domestica/

Comentários estão fechados.