Câmara determina quarentena; Eduardo Bolsonaro fará teste para coronavírus

Deputado integrou comitiva que foi aos Estados Unidos com o presidente Jair Bolsonaro

Nesta quarta-feira (12), a Câmara dos Deputados aprovou um ato que determina a todos funcionários e parlamentares que tiveram contato com pessoas contaminadas com coronavírus uma quarentena de 14 dias.

“Os parlamentares, servidores e demais colaboradores que estiveram em locais onde houve infecção por Covid-19, constantes na lista do MS (Ministério da Saúde), serão afastados administrativamente por 14 dias a contar do regresso dessas localidades”, diz o comunicado.

Segundo a normativa, os parlamentares que se encaixarem nesta norma devem comunicar ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Eduardo Bolsonaro faz teste

Integrantes da comitiva brasileira que foram aos Estados Unidos com o presidente Jair Bolsonaro serão todos submetidos a exames, após a confirmação de que o secretário de Comunicação do governo, Fábio Wajngarten, testou positivo para a doença.

Além dele e do presidente, também estiveram presentes os ministros Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional), Fernando Azevedo e Silva (Defesa), Ernesto Araújo (Relações Exteriores) e Bento Albuquerque (Minas e Energia).

Também viajaram os senadores Nelsinho Trad (PTB-MS) e Jorginho Mello (PL-SC); os deputados Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) e Daniel Freitas (PSL-SC), o assessor especial Filipe Martins, o presidente da Embratur, Gilson Machado, e o secretário especial de Pesca, Jorge Seif Jr., entre outros.

Eduardo realizou exames nesta quinta-feira para saber se foi contaminado. De acordo com funcionários do seu gabinete, ele não foi informado sobre a necessidade de quarentena.

Ao menos um integrante da comitiva brasileira que foi aos EUA e que é funcionário da Câmara está em quarentena. O advogado Adão Paiani, da consultoria jurídica da bancada do DEM, iniciou hoje o período de 14 dias de afastamento administrativo.

Fonte: Jovem Pan – *Com informações do Estadão Conteúdo

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.